Tartaruga de 183 anos é o animal mais velho do mundo ainda vivo


Compartilhar
Tartaruga de 183 anos é o animal mais velho do mundo ainda vivo

Image Credit: CC BY 2.0 David Stanley

A tartaruga,  apesar de ter em  torno de quase dois séculos de vida, está praticamente cega devido a catarata, perdeu o olfato, mas a audiçao ainda esta boa.

O réptil, chamado de Jonathan  de vida tão  longa, cuja espécie pode ser encontrada em uma ilha  das Seychelles perto de Madagascar, passou a maior parte de sua vida na ilha de Santa Helena, no Atlântico Sul.

Os historiadores acreditam que ela foi levada para lá em 1882 como um presente para o governador britânico da época e até hoje ela ainda pode ser encontrada andando  em volta da Plantation House (residência oficial do governador).

Infelizmente apenas algumas tartarugas gigantes de Aldabra permanecem no mundo de hoje porque a maioria delas foram mortas durante os séculos 18 e 19 por caçadores.

Atualmente a espécie é considerada vulnerável à extinção e conservacionistas têm trabalhado arduamente para preservar as espécies existentes.

Em 2014, um veterinário local Joe Hollins  começou a dar ao réptil um menu mais nutritivo, que inclui maçãs, cenouras, pepinos, bananas e goiaba. 

Um ano depois, Jonathan está de volta as notícias e aparentemente saudável, de acordo com as in formações  mais recente de Hollins em um site de notícias de  St. Helena. “Há uma chance de que ela pode estar morta amanhã, estar viva ou até chegar aos 250 anos  escreveu Hollins. Fonte: National Geographic

Comentários: